sexta-feira - 20 Abril 2018

Cristão é acusado de furtar cadáver do pai para ressuscitá-lo com orações

Vincent Bright, 48 anos, é um cristão fervoroso. Mas agora precisará fazer um exame para comprovar sua sanidade mental. O motivo é que ele foi acusado de roubar o cadáver do próprio pai e tentar ressuscitá-lo com orações.

Ele foi preso em Detroit, Estado de Michigan, depois que outros familiares ligaram para a policia para denunciar o roubo do corpo de Clarence Bright, falecido aos 93.

Vincent colocou o os restos mortais de Clarence  em um freezer no porão de sua casa. Quando a policia chegou, disse que esperava ver o pai ressuscitar, explicou o tenente Harold Rochon.

Ele foi preso e o juiz estabeleceu sua fiança em US $ 75.000. Se for condenado, pode pegar 10 anos de prisão, a menos que fique confirmada sua incapacidade mental.

“É um caso raro. Não se vê isso todo o dia”, explicou o advogado de defesa Gerald J. Karafa, ao jornal The Detroit News.

O corpo de Clarence desapareceu do cemitério Gethsemane poucas horas antes do horário marcado para o enterro. A polícia também interrogou o homem que teria ajudado Vicente, e encontrou um caixão vazio em sua van. Mesmo assim, ele não foi preso, pois não havia provas suficientes.

Fonte: Gospel Prime / Com informações G1 e Huffington Post

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *