sexta-feira - 20 Abril 2018

Terroristas atacam igreja e matam pelo menos 9 pessoas, no Egito

Terroristas atacam igreja e matam pelo menos 9 pessoas, no Egito

Dois homens armados invadiram uma igreja copta no sul do Cairo, no Egito, matando pelo menos nove pessoas e ferindo outras cinco.

O ataque terrorista ocorreu na Igreja de Mar Mina, no distrito de Helwan, de acordo com o Ministério da Saúde do Egito.

Pelo menos um policial está entre os mortos no ataque, informou a mídia local. Segundo um funcionário do Ministério do Interior, um agressor foi morto e o segundo conseguiu escapar.

O grupo afiliado ao Estado Islâmico no Egito já matou dezenas de cristãos no Egito e ameaçou novos ataques.

Os cristãos coptas do Egito constituem cerca de 10% da população de 93 milhões de pessoas e são uma minoria religiosa da região.

Depois que o EI realizou um ataque contra uma mesquita, matando mais de 300 pessoas, o Egito se colocou em estado de emergência e o presidente do país, Abdel Fatah al-Sisi, exigiu que o exército usasse força brutal contra o grupo terrorista.

Cerca de 230 mil oficiais de segurança foram convocados para fazer a guarda de igrejas durante as celebrações de Natal no Egito. As equipes de segurança e os oficiais foram implantados nas 2.626 igrejas do país, parques públicos, instituições estaduais e locais turísticos, sendo todos observados de perto.

O EI matou centenas de policiais e soldados durante sua insurgência na península do Sinai, que faz fronteira com Israel e a Faixa de Gaza. À medida que as forças de segurança têm se tornado mais difíceis de serem atingidas, os terroristas têm atacado cada vez mais civis.

FONTE: GUIAME, COM INFORMAÇÕES DE THE GUARDIAN

Deixe seu Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *