noticias

Voltando para o Lar

“Vinde, e tornemos para o SENHOR, porque ele nos despedaçou e nos sarará; fez a ferida e a ligará.” (Oseias 6.1)

Quando em saúde e prosperidade, frequentemente nos afastamos de Deus, porque temos uma natureza inconstante que necessita de disciplina espiritual adequada para que permaneçamos firmes e inabaláveis na Rocha da verdade na qual fomos edificados, não nos afastando dEla por causa de deficiência de caráter ou por falta de experiência em lidar com as tentações e fascínios do mundo.
Assim, quando não temos ainda aprendido a ser aperfeiçoados pela disciplina ministrada pelo Espírito Santo em meio às circunstâncias reais da vida, não podemos atender satisfatoriamente ao dever que temos para com Deus, de andarmos em santificação na Sua presença, e em completa dependência dEle.

Por isso necessitamos da correção de Deus – a princípio, somos chamados a permanecer no lugar que nos convém por meio de alertas que nos chegam através de provações leves, e que, à media que vão sendo negligenciadas podem aumentar muito em grau, até que voltemos para um caminhar ordenado diante dAquele que nos salvou para sermos luz e sal neste mundo de trevas.
Quando a alma se encontra em profundezas ela não pode ver a luz, e então tende a se abater em desesperança quanto à sua recuperação desta condição que a deprime e lhe imprime a falsa convicção de que não pode ser livrada pelo poder de Deus.
Ela creu na prosperidade, que poderia vencer qualquer adversidade, mas agora na profunda aflição é incapaz sequer de expressar uma única expressão de fé. Há somente um peso terrível que a puxa mais e mais para baixo e para longe da presença de Deus e dos Seus caminhos.

Esta é hora do grande aprendizado sobre o valor da graça e o poder da fé, porque ajudada pelo Espírito Santo, a alma ousa elevar um clamor ainda que sem palavras, bem no fundo do coração, pedindo socorro ao Senhor para ser purificada e renovada, para a restauração da plena comunhão.

Então, uma voz amiga é ouvida: “Vem, voltemos para o lar onde há provisão, paz e segurança, voltemos para Senhor!” Ele nos convida e atua no mais profundo íntimo do espírito e nos ergue de um só salto para uma nova caminhada.
Nesta hora a atmosfera espiritual antes pesada, se torna instantaneamente leve e aromática. Com que alegria o espírito respira este ar fresco e puro que desce das regiões celestiais.

“Volta, ó Israel, para o Senhor, teu Deus, porque, pelos teus pecados, estás caído. (Oseias 14.1)

Fonte: http://goo.gl/lqAANH

Mais

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close