AS EQUIPES DE FISCALIZAÇÃO DE APARECIDA DE GOIÂNIA ENCERRARAM VÁRIAS FESTAS CLANDESTINAS NESTE FIM DE SEMANA. OS FISCAIS FLAGRARAM DESRESPEITO ÀS REGRAS DE PORTARIAS MUNICIPAIS QUE VISAM O CONTROLE DA COVID-19. EM UM DOS EVENTOS, QUE DE MEMBROS DE UMA TORCIDA ORGANIZADA, ESTAVAM CERDA DE 300 PESSOAS.

A AGLOMERAÇÃO ESTAVA SENDO REALIZADA EM UM ESPAÇO DE FESTA NO SETOR CIDADE SATÉLITE SÃO LUIZ. OS FISCAIS DA FORÇA-TAREFA DE FISCALIZAÇÃO DE APARECIDA CHEGARAM AO LOCAL POR VOLTA DE 23H DE SÁBADO APÓS DENÚNCIAS DA VIZINHANÇA. LÁ ESTAVAM CERCA DE 300 PESSOAS. O EVENTO, QUE ERA REALIZADO POR MEMBROS DE UMA TORCIDA ORGANIZADA, FOI ENCERRADO E O PROPRIETÁRIO DO ESPALHO FOL MULTADO EM 13 MIL 870 REAIS PELO DESRESPEITO ÀS REGRAS DE CONTENÇÃO DO CORONAVÍRUS.
JÁ NA MADRUGADA DE DOMINGO, AS EQUIPES DE FISCALIZAÇÃO ENCERRARAM UMA FESTA NO SETOR FABRÍCIO ONDE ESTAVAM MAIS DE 200 PESSOAS. O ORGANIZADOR DO EVENTO FOI MULTADO EM 12 MIL 670 REAIS. DURANTE A NOITE E MADRUGADA DESTE SÁBADO PARA DOMINGO, A FORÇA-TAREFA VISITOU 69 LUGARES ENTRE BARES, RESTAURANTES E DISTRIBUIDORAS DE BEBIDAS. AO TODO FORAM INTERDITADOS 3 LOCAIS POR FALTA DE ALVARÁ E 4 FORAM MULTADOS POR AGLOMERAÇÃO E 9 FESTAS CLANDESTINAS FORAM ENCERRADAS.

Texto: Eunice Fleury

Deixe seu Comentário

All fields marked with an asterisk (*) are required

 

 

 

ссылка

ссылка

ссылка

ссылка

ссылка

ссылка

ссылка

ссылка

 

 

 

биткоин миксер

очистить крипту

криптовалютные миксеры 2021